Slide 1

Atualizações Recentes

Nuredam/UERJ

Busca

A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | R | S | T | U | V | W | Y | Z

GALILEI, Galileo. Dialogues Concerning the Two New Sciences. Prometheus, New York: 1995.

GALLIANO, A.G. O método científico. Teoria e Pratica. São Paulo: Harbra, 1986.

GARAY, Irene e BECKER, Bertha K. (orgs). Dimensões humanas da biodiversidade. Petrópolis, Vozes, 2006.

GARCIA, Daniela Soledad. Educación ambiental: aportes  políticos y pedagógicos en La construcción Del campo de la educación  ambiental. Buenos Aires: Jefatura de Gabinete de Ministros-Presidencia de la Nación-Desarrollo sustentable, 2009.

GATTI, Bernardete Angelina. Grupo focal na pesquisa em Ciências Sociais e Humanas. Brasília: Liber Livro Editora, 2005 (Série Pesquisa; 10).     

GENNARI, A.M.Globalização, neoliberalismo e abertura econômica no Brasil nos anos 90.   Pesquisa & Debate, SP, volume 13, n. 1(21), pp. 30-45, 2001.

GENTIL, Valéria. A terceira margem: à procura do ecodesenvolvimento. Sociedade e Estado.,  Brasília,  v. 26,  n. 1, Apr.  2011 . Available from <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S010269922011000100014&lng=en&nrm=iso>. access on  27  Mar.  2013.

GEORGESCU-ROEGEN, Nicolas. The entropy law and the economic processCambridge: Harvard University Press. 1971.

GERHARDT, Cleyton H.; ALMEIDA, Jalcione. A dialética dos campos sociais na interpretação da problemática ambiental: uma análise crítica a partir de diferentes leituras sobre os problemas ambientais. Ambiente e Sociedade, vol. 3, n. 2, p. 53-83, 2005.

GERRING, J. What is a case study na what is it good for? American Political Science Review. v. 98, n. 2, 2004.  pp. 341-354.

GIDDENS, Anthony. As conseqüências da modernidade. São Paulo: Editora da Universidade Estadual Paulista, 1991.

_______. Sociologia. 2. ed. Madrid: Alianza Editorial, 1995.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2008.

_______. Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo: Atlas, 2011.

_______. Projetos de Pesquisa. São Paulo: Atlas, 1989.

_______. Técnicas de pesquisa em economia. São Paulo: Atlas, 1991.

GIULIANI, Gian Mario. A problemática da regionalização agrária do Rio de Janeiro: observações metodológicas. In: Campo Aberto, o rural no Estado do Rio de Janeiro (org.) Maria José Carneiro et al. Rio de Janeiro: Contra Capa , 1998, v. 1. 

_______. A profissionalização dos produtores rurais e a questão ambiental. Revista Estudos Sociedade e Agricultura, nº 9. Rio de Janeiro: UFRRJ/ CPDA, outubro 1997, p.102-126. Global Compact. The Ten Principles. Disponível em: http://www.unglobalcompact.org/AboutTheGC/TheTenPrinciples/index.html . Acesso em: 01 jun. 2010.

GLEISER, Marcelo. Retalhos cósmicos. São Paulo: Companhia das Letras, 1999.

GLOBO (2014). População brasileira ultrapassa marca de 200 milhões. Disponível em: http://g1.globo.com/brasil/noticia/2013/08/populacao-brasileira-ultrapassa-marca-de-200-milhoes-diz-ibge.html Acesso em: 25/07/2014.

GODOY, A. A menor das Ecologias. São Paulo: Edusp, 2008.

GODOY, Arilda Schmidt. Introdução à Pesquisa Qualitativa e suas possibilidades. Revista de Administração de Empresas. São Paulo, v. 35, n. 2, p. 57-63; n. 3, p. 20-29; n. 4, p. 65-71, mar./ago.1995.

GOLDENBERG, Mirian. A arte de pesquisar: como fazer pesquisa qualitativa em Ciências Sociais. 2. ed. Rio de Janeiro: Record, 1998.

GOMES, Antonio Marcos Tosoli; OLIVEIRA, Denize Cristina de; SA, Celso Pereira de. As representações sociais do sistema único de saúde no município do Rio de Janeiro, Brasil, segundo a abordagem estrutural. Rev. Latino-Americana de Enfermagem,  Ribeirão Preto,  v. 16,  n. 1, Feb.  2008 .   Available from <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-11692008000100019&lng=en&nrm=iso>. access on  26  Mar.  2013

GOMES, Ricardo Corrêa. Stakeholder management in the local government decision-making area: evidences from a triangulation study with the English local government. Rev. Adm. Contemp.,  Curitiba,  v. 10,  n. spe,   2006 .   Disponível em <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-65552006000500005&lng=pt&nrm=iso>. acessos em  10  abr.  2013.

GÓMEZ, W. Desenvolvimento Sustentável, Agricultura e Capitalismo. In: BECKER, D. F. (Org.).Desenvolvimento Sustentável: necessidade e ou possibilidade? Edunisc: Santa Cruz do Sul, 2001, 95-116.

GONDOLO, Graciela Cristina Fernández. Desafio de um sistema complexo à gestão ambiental –  bacia do guarapiranga, região metropolitana de São Paulo. São Paulo: Annablume: Fapesp, 2000.

GONZAGA, C. A. M. Marketing verde de produtos florestais: teoria e prática. Floresta, v. 35, n. 2, p. 353-368, 2005.

GOODE, Willian J.; HATT, Paul K. Métodos em pesquisa social. São Paulo: Nacional, 1969.

GOSWAMI, Amit. O universo autoconsciente: como a consciência cria o mundo material. Rio de Janeiro: Record: Rosa dos Ventos, 2003. Parte I – A integração entre ciência e espiritualidade. pp. 09-87.

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO. Orientações para o planejamento escolar de 2013. Secretaria de Estado de Educação. Coordenadoria de Educação Básica. São Paulo. Janeiro/2013. 196p.

GUATARRI, Félix. As três ecologias. Campinas: Papirus, 1991.

GUATARRI, F.; ROLNIK, S. Micropolítica. Cartografias do Desejo. Petrópolis: Vozes, 2ª edição, 1986.

GUIMARÃES, Mauro (org.). Caminhos da Educação Ambiental. Da forma à ação. Campinas, SP: Papirus Editora, 2008.

GUIVANT, Júlia S. Conflitos e negociações nas políticas de controle ambiental: o caso da suinocultura em Santa Catarina. Ambiente e Sociedade, n. 2. p. 101-23.1998.

GRAHAM, P. Mary Parker Follet prophet of management – A celebration of writings from de 1920s. Washington DC: Beard Books-Harvard Business School Press, 2003.

GREENE, Brian. O universo elegante: supercordas, dimensões ocultas e a busca da teoria definitiva. São Paulo: Companhia das Letras, 2001.

_______. O tecido do cosmo: o espaço, o tempo e a textura da realidade. São Paulo: Companhia das Letras, 2005.

GRESSLER, L. A. Pesquisa educacional. São Paulo: Loyola, 1979.

GROSSMAN, G.M; KRUEGER, A. B.  Economic Growth and the Environment. Quarterly Journal of Economics, v.110, n.2, 1995. pp.353-377. 

GROSSMAN, G.M; KRUEGER, A. B. Environmental Impacts of the North American FreeTrade Agreement. In: The U.S. Mexico Free Trade Agreement. P. Garber, ed. Cambridge: MIT Press, 1993. pp. 13-56.

GROUPE 21 (org.). O homem do futuro: um ser em construção. São Paulo: Triom, 2001.

GRÜN, Mauro.  Ética e educação ambiental: a conexão necessária.  Campinas, SP: Papirus, 1996.

GRÜN, Mauro. Ética e Educação Ambiental. A conexão necessária. São Paulo: Papirus Editora, 10ª. edição, 2006.

GUATARRI, Félix. As três ecologias. Campinas: Papirus, 1991.

GÜNTHER, H. Pesquisa Qualitativa Versus Pesquisa Quantitativa: Esta é a questão? Psicologia: Teoria e Pesquisa. Vol. 22 n. 2, pp. 201-210, Mai-Ago 2006. Disponivel em: http://www.scielo.br/pdf/ptp/v22n2/a10v22n2.pdf. Acesso em: setembro, 2012

Núcleo de Referência em Educação Ambiental

Universidade do Estado do Rio de Janeiro | Campus Maracanã
Rua São Francisco Xavier, 524 | Pavilhão João Lyra Filho
Faculdade de Educação, 12° andar, Bloco F, Sala 12.005
+55 (21) 2334-0824 / 2334-0825 | This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.